Santa Maria terá ato contra o racismo neste sábado (20)

O Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro em alusão à morte de Zumbi, líder do Quilombo de Palmares, que morreu nesse dia, em 1695. Ele lutou contra a escravidão e foi assassinado enquanto defendia os direitos do povo negro.

A data busca reforçar a importância das ações de combate ao racismo e à desigualdade social no país, assim como promover a valorização da cultura afro-brasileira.

Em Santa Maria, neste sábado (20), a partir das 16h, haverá uma manifestação na Praça Saldanha Marinho com a presença de lideranças negras e a realização de performances e apresentações musicais.

A chamada para o ato é “Sem o povo negro não existe Brasil”.

A atividade integra o CalendAFRO, agenda elaborada pelo Movimento Negro Unificado (MNU), em parceria com diversas outras entidades e coletivos, para promover atos públicos, exposições artísticas, homenagens e rodas de conversa que pautem temáticas diretamente relacionadas à negritude e à centralidade da pauta antirracista nos locais de estudo, trabalho, moradia e cultura.

Durante todo o mês de novembro, então, Santa Maria foi e será palco de ações que visam a denunciar o racismo cotidiano, institucional e estrutural; a gritar que “vidas negras importam” e a fazer avançar, a passos largos, a construção de uma sociedade antirracista.

Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis − três =