Sindicato recebe denúncia de crime eleitoral

O Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região recebeu uma denúncia de crime eleitoral, cometido dentro de uma agência do Bradesco. Os diretores da entidade – Alexandre dos Santos, Julciléia Pereira e Milânia Messias – agiram rapidamente e cobraram ações urgentes do banco a fim de proteger os funcionários.

Conforme a denúncia, recebida pelo Sindicato na sexta-feira (21), um gerente de uma agência do Bradesco, em Santa Maria, ameaçou colegas de demissão caso não votem em determinado candidato a presidente da República no próximo domingo (30).

O Sindicato acionou, no mesmo dia, a superintendência e o setor de relações sindicais do banco em busca de uma apuração dos fatos e efetiva ação contra a prática ilegal. O Bradesco informou que não compactua com esse tipo de conduta – o que inclusive consta em seu Código de Ética.

Para o diretor de Comunicação do Sindicato, Márcio Kolinski, a atitude do Bradesco deveria ser de defesa do direito inalienável de liberdade de seus funcionários na hora do voto.

“Infelizmente, a prática de assédio eleitoral na tentativa de direcionar os trabalhadores aos candidatos é a que mais convém aos seus interesses e vem sendo cada vez mais frequente. É inadmissível que gestores pressionem seus subordinados na escolha que deveria ser livre. Recomendamos fortemente que os colegas bancários ou quaisquer trabalhadores que se sentirem intimidados denunciem e que os envolvidos sejam responsabilizados”, afirma Kolinski.

O bancário que se sentir ameaçado ou intimidado por seus superiores devido a suas posições políticas – independentemente de qual candidato, partido ou ideologia defenda – pode denunciar a situação ao Sindicato, inclusive, de forma anônima.

Há diversas formas de entrar em contato com a entidade. Entre as mais ágeis estão o e-mail contato@bancariossm.org.br, WhatsApp (55) 984-040-184 ou telefone (55) 3222-8088.

Maiquel Rosauro, Jornalista (MTB/RS 13334)
Assessor de imprensa
Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

catorze + dois =