Grupo de Acolhimento e Discussão no Ambiente de Trabalho tem encontro na próxima quarta-feira
Em março, iniciativa foi marcada pelo Dia Internacional da Mulher

O Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região promove amanhã, 3 de abril, mais um encontro do Grupo de Acolhimento e Discussão no Ambiente de Trabalho. A iniciativa, que ocorre quinzenalmente, tem como objetivo discutir os desafios que afetam a saúde dos bancários. O encontro será na Sede II do Seeb (Rua Serafim Valandro, 835, sala 21 – Santa Maria), às 18h.

Em março, o encontro teve como pauta os desafios que permeiam a existência da mulher

No último dia 20 de março, o Sindicato dos Bancários de Santa Maria promoveu mais uma edição do seu Grupo de Acolhimento e Discussão, desta vez dedicado ao Dia Internacional da Mulher.

A data de 8 de março vai além de um simples registro no calendário. Representa um momento de reflexão sobre as conquistas, desafios e lutas das mulheres em todo o mundo. Surgido a partir das manifestações femininas em busca de melhores condições de trabalho durante a Primeira Guerra Mundial, o dia marca uma mobilização social sobre o papel da mulher na sociedade e no mercado de trabalho.

Durante o encontro, foram reconhecidas e celebradas a força, a resiliência e as valiosas contribuições das mulheres. No entanto, também ressaltou-se a necessidade contínua de avançar rumo à igualdade de gênero em todas as esferas da vida.

O grupo proporcionou um espaço para discussão dessas questões e análise de como elas se refletem no cotidiano, tanto para mulheres quanto para homens. Ficou evidente que os temas abordados são compartilhados por todas as mulheres, tanto na vida pessoal quanto profissional.

Para a psicóloga e bancária aposentada da Caixa Econômica Federal, Jone Ivana do Amaral Gomes, a importância dos encontros temáticos, como o alusivo ao Dia da Mulher, é de poder focar em aspectos pertinentes ao interesse e as vivências dos participantes, trazendo informações específicas e que possam fazer sentido para as pessoas, auxiliando no seu dia a dia. 

“No caso da conversa sobre a realidade das mulheres no trabalho e na sociedade, buscamos falar sobre fatos compartilhados por elas e como elas lidam com isso, suas vivências e como enfrentam as dificuldades. Nos relatos foi possível ver que cada uma desenvolve formas de superar as barreiras e, de forma ativa, vão construindo seu espaço e imprimindo suas características ao trabalho e ao dia a dia. Essa forma de se ver uns nos outros nos ajuda a ter um senso de comunidade e de ver que, em momentos de vulnerabilidade, não estamos sozinhos”, destaca Ivana.

Ao final, os participantes compartilharam histórias inspiradoras de superação, apoio mútuo e busca por um mundo mais justo e digno. Os relatos emocionantes evidenciaram a importância do grupo como um espaço de apoio e empoderamento para as mulheres bancárias de Santa Maria.

O secretário de Finanças do Seeb Santa Maria e Região, Marcio Kolinski, que participou do encontro, avalia que a busca da igualdade de gênero deveria estar entre as prioridades de qualquer homem. 

“Minha forma de contribuir para uma sociedade mais igualitária entre os gêneros é participar, apoiar e aprender em grupos de discussão sobre o tema ou quaisquer iniciativas que tragam essa intenção. Trazer participação, apoio e disponibilidade às lutas feministas é o mínimo que podemos fazer. Nosso grupo de Acolhimento e Discussão no Ambiente de Trabalho é uma destas iniciativas que tentamos empreender para que tenhamos uma sociedade mais saudável em todos os aspectos. Nele discutimos sobre nosso dia a dia, sobre nossas dificuldades, nossas angústias, mas também nossas alegrias e esperanças. Todos deveriam um dia participar, é revigorante”, convida.

 

Nathália Arantes, Jornalista e Cientista Social
Assessora de imprensa
Sindicato dos Bancários de Santa Maria e Região

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × dois =